Arquivo da Categoria: Uncategorized

Cleudo Freire (1997 – Zambê Crossover)

Iniciou a carreira artísitica no início dos anos 1980 fazendo shows em bares. Em 1985 participou do Projeto Pixinguinha. Realizou aberturas de shows de Fagner, Pena Branca e Xavantinho e Mestre Ambrósio. Em 1993 foi classificado no festival Canta Nordeste promovido pela Rede Globo Nordeste e TV Cabugi. Em 1998 lançou o primeiro CD, “Zambê”, no qual faz um resgate da cultura negra no rio Grande do Norte. No Cd está presente uma grande fusão de ritmos como coco de roda, funk, soul, baião e xote. No mesmo disco, musicou o poema “Banzo”, de Câmara Cascudo, publicado na Revista Antropofagia em 1927.

Download

Download Legal! Baixou, semeou!


Salve Salve Pessoal!

Vocês que frequentam o blog devem ter notado que passei a postar discografias atráves do sistema Torrent.  Para todos terem acesso à esses arquivos, é importante que após você baixa-los totalmente, deixar o seu programa Torrent aberto, seja 1, 2, 3 hs por dia, para que outras pessoas também possam baixa-lo. Seja legal, outras pessoas querem tanto alguns discos como você e semeie.  Quanto mais gente semeando, melhor! Todo mundo colaborando, além de ajudar outras pessoas a adquirir conteúdos músicais de qualidade, ainda ajuda e fortifica o blog, que não é meu, é feito para vocês.

O DNA agradece!

Juniani Marzani – DJ 440

=========================================================

Não tem programa para baixar torrent?
Pessoal, não sei baixar os arquivos por torrent!

DJ poderá se inscrever como Empreendedor Individual

O Comitê Gestor do Simples Nacional aprovou a Resolução CGSN nº 78, de 13 de setembro de 2010, que altera as ocupações permitidas para o Microempreendedor Individual, incluindo novas atividades.

A nova lista de ocupações entra em vigor somente a partir de 01 de dezembro de 2010.

Dentre elas, destacamos a inclusão das atividades abaixo:

DISC JOCKEY (DJ) OU VIDEO JOCKEY (VJ) – CNAE 9001-9/06
EDITOR DE VÍDEO – CNAE 5912-0/99
LOCADOR DE INSTRUMENTOS MUSICAIS – CNAE 7729-2/02

O Empreendedor Individual é uma figura jurídica nova no Direito brasileiro. Trata-se do profissional que trabalha por conta própria (autônomo), tenha receita bruta anual de até R$ 36 mil e possua no máximo um empregado que receba um salário mínimo ou piso da categoria.

O Empreendedor Individual terá CNPJ, poderá emitir notas fiscais, terá acesso ao crédito e outros serviços bancários, poderá contratar direto com a Administração Pública, terá direito a aposentadoria por idade e outros benefícios previdenciários. Tudo isso ao custo fixo atual de R$ 62,10 por mês.

Por Leo Salazar: http://www.musicaltda.com.br/

por Leo Salazar: http://www.musicaltda.com.br/

Tanga de Sereia (2009 – O pecado mora ao lado)


Tanga de Sereia. A fina flor do brega. MMPB, música muito popular brasileira, esta é a proposta. Com melodias inspiradas e letras apaixonadas, a Tanga de Sereia consegue fazer um brega muito do contagiante. O trabalho é influenciado pelo som dos artistas que fizeram sucesso na década de 70: Diana, Paulo Sérgio, Evaldo Braga, Reginaldo Rossi, Waldik Soriano, Odair José, Cláudia Barroso, entre outros. Tesão, paixão, ilusão, traição e solidão. Esses 5 ãos norteiam o universo da banda. Danielly, com sua voz mezzo sofrida – mezzo safada, dá vida às composições de Paulo Roberto, que tratam das aventuras e desventuras do amor romântico. Canções como “O Homem do gás”, “Primo com prima” e “Solteira, livre e desimpedida”, que fazem parte do primeiro álbum, são alguns dos hits que mostram todo o poder de fogo da banda. Ao vivo a coisa esquenta mais ainda. Com uma formação que vai de guitarra, baixo, bateria, teclado e metais, a Tanga proporciona ao seu público um autêntico e refinado baile de cabaré. Tanga de Sereia, diversão garantida para todas as classes. É ouvir pra crer.

Download

DNA – DISCOTECA NACIONAL realiza encontro nacional durante a Feira Música Brasil

Apresentar idéias que resultarão em propostas para políticas públicas para produção/circulação/difusão da música brasileira de forma cooperativa, utilizando o associativismo como principal estratégia para a organização desse grupo , articulando DJs de todo Brasil que são importantes atores na cadeia produtiva da música, é o grande foco da criação da Rede DNA – Discoteca Nacional. Durante a Feira Música Brasil será discutido fatores para a formalização jurídica e de relacionamento com outros coletivos que têm a música independente como base de seus trabalhos e discussões políticas.

Há dois anos na FMI – Feira da Música Independente de Brasília que começou a se conversar sobre circulação e difusão da música independente. A partir desse momento foi dado início a concentração de alguns Djs brasileiros em formatar a Rede hoje denominada DNA – Discoteca Nacional Associada.
Em fortaleza desse ano, durante a Feira da Música, aconteceu o primeiro encontro oficial desses DJs e no final do encontro ficou estabelecido a formalização da entidade durante a Feira no Recife.

Os grupos de Trabalho (GT) vão acontecer nos dias 11 e 12 de dezembro, no Armazém 14, com início às 10h e finalizado ao meio-dia. Desse encontro sairá a estrutura administrativa, construção dos objetivos, firmar a importância do DJ na cadeia produtiva da música e dar início ao projeto de circulação desse grupo.

A Festa desse encontro não poderia terminar em outro lugar e será realizada no próprio Armazém 14, início às 23h o encontro dos DJs com a pista pernambucana. Já está confirmada a presença dos DJS Patrick Tor4 (SE), Incidental (PE), Pezão (DF), 440 (PE), Lucio K (RJ), Tales (PE), Sartô (BA), Guga de Castro (CE). A festa é uma parceria com a Funarte/Conexão Vivo e Loja Acre. O valor do ingresso não foi informado até o momento.

Mais informações: www.discotecanacional.blogspot.com ou 81 9221 8710 com o DJ Incidental (Eudes Ciriano)