Fernando Pellon (2016 – Moribundas Vontades)

Com um estilo peculiar de compor, Fernando Pellon provoca sentimentos em quem ouve suas músicas.

“Moribundas vontades” é o terceiro CD de Fernando Pellon, que segue construindo um raro acervo musical. O primeiro foi “Cadáver pega fogo durante o velório” (1983), o segundo “Aço frio de um punhal” (2010). De acordo com o cantor e compositor, o trabalho atual é um retorno ao projeto que deu início à sua carreira musical, com o objetivo de alcançar o resultado a que ele se propunha: a evolução estética do seu trabalho.

Quando lhe perguntam qual dos seus Discos ele considera o melhor de suas produções, ele diz que “os três discos se complementam como parte de um percurso estético em evolução”. O Disco reúne 12 composições, oito delas com letras e melodias do próprio Fernando Pellon: “Moribundas vontades”, “Na sórdida mesa de um botequim”, “Cheirando a formol”, “Samba de São Thiago (Thiago, 5 – 1,6)”, “Falsa cleptomania”, “Noites desnúpcias”, “Loucos varridos ou Torquato e Walter passeiam na rua do Aldir” e “De forma insuspeita”.

Dáumload